P. Riscada

P. Riscada
Pedra Riscada, um gigante de Minas

Ipê

Ipê
Paisagem com ipê florido

Paisagem com cáctus

Paisagem com cáctus
As grandes montanhas, as serras , os vales

Torre

Torre
A santa cruz do Norte

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Pedra do Bode

Janeiro de 2011
Bodes e cabras na parede rochosa - Ataléia-MG
Seguindo em direção à divisa do estado do Espírito Santo, a aproximadamente 8 quilômetros de Ataléia, localiza-se a pedra do Bode. O grande inselberg de formato piramidal é uma referência muito forte em nossa região, pois dá nome a uma comunidade rural composta de inúmeras fazendas e pequenas moradias. A montanha recebeu esse nome devido aos bandos de bodes e cabras que vivem, desde tempos remotos, em toda a extensão da pedra, da base ao cume. Ao contrário de muitas pedras da região, o acesso ao seu topo é muito difícil. Pouquíssimas pessoas conquistaram seu cume. Um fato marcante sobre essa rocha foi uma curiosa aposta firmada entre Zé Buru e dois fazendeiros no final dos anos 60. Um deles tinha a sede de sua fazenda localizada na base da pedra e o outro tinha a sede no Córrego de Areia. Um dos fazendeiros era João Buteco, que viria a ser prefeito de Ataléia anos depois, e o outro era Salah El-Dine Gazel. Ambos duvidavam que algum homem pudesse atingir o topo da pedra, desprovido de equipamentos especiais de escalada. Zé Buru, o desafiante, hoje mora na cidade de Teófilo Otoni. Assim, o determinado Zé Buru, aos poucos,  foi galgando solitariamente a íngreme rocha até atingir bravamente a pequena mata localizada no seu ponto mais alto. Como combinado, ele disparou alguns tiros de rojão do alto da montanha para comprovar o feito e conquistou duas mulas arreadas como prêmio pela corajosa ação. Assim, através desse desafio, os três homens vincularam seus nomes à história dessa montanha. Hoje em dia, outros corajosos escaladores, como Tekinha e Jeferson, descobriram também o segredo dessa escalada e já conduzem alguns excursionistas ao alto da pedra. Veja mais fotos da pedra Bode.
Os animais caminham com facilidade nas rochas
Imagem da região
Ataléia-MG - Janeiro 2011

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Garota Mundo das Montanhas - Janeiro de 2012


Thaine Bernardo
Com os bons ares trazidos pela chegada de um novo ano, o quadro Gatas ataleenses toma força novamente e se propõe a apresentar, mês a mês, uma garota ataleense, dotada de graça e simpatia, representando a jovem, persistente e otimista geração de nosso povo. E, para o primeiro mês do ano de 2012, convidamos a bela Thaine Bernardo, escorpiana, 16 anos, estudante do ensino médio em Ataléia. Ela, a exemplo de sua irmã gêmea mais velha, Thainá, que figurou como gata ataleense em agosto de 2011, nasceu em Teófilo Otoni e veio morar em Ataléia nos primeiros anos de vida.  Thaine considera-se uma ataleense apaixonada e diz que poderia viver para sempre na cidade, apesar de estar consciente que precisará buscar centros maiores para continuar seus estudos em um futuro próximo. Mas, vai aproveitando bastante a vida oferecida pela cidade, de maneira responsável e saudável, junto aos amigos próximos e junto à família. Seguem abaixo, mais dados sobre a garota do Mundo das Montanhas de janeiro de 2011:

Nome: Thaine Souza Silva Bernardo
Nascimento: 24/10/1995
Signo: Escorpião
Altura: 1, 65
Cor preferida: vermelho
Time do coração: Cruzeiro
Hobbies: Internet e TV; curtir a música de Jorge e Matheus e música gospel; sair com os amigos
Idade: 16 anos


Thaine Bernardo, 16 anos, escorpiana, cruzeirense e ataleense de coração apaixonado
Gata do mês de janeiro do Mundo das Montanhas
Thaine Bernardo

domingo, 1 de janeiro de 2012

Chuvas do mês de janeiro

                                PLUVIÔMETRO

               Mapa de Anotações -  Ano:  2012
    Dia  
  Mês : janeiro
     1
        17,5    
     2
          2,5
     3
        21,5
     4
           -
     5
        13,0
     6
           -
     7
           -
     8
           -
     9
          3,0
   10
        70,5
   11
        15,5
   12
           -
   13
           -
   14
           -
   15
           -
   16
           -
   17
           -
   18
           -
   19
           -
   20
           -
   21
         4,0      
   22
         3,0
   23
           -
   24
         9,0
   25
           -
   26
           -
   27
           -
   28
           -
   29
           -
   30
           -
   31
           -
  Total do mês:      159,5 mm

Total de chuva (2011/2012/2013/2014)




ÍNDICE PLUVIOMÉTRICO DE          ATALÉIA (Total  anual)
ANO: 
 2011
MÊS
Precipitação
JANEIRO
          98,0 mm
FEVEREIRO
        100,5 mm
MARÇO
         230,0 mm
ABRIL          231,5 mm
MAIO
             9,5 mm
JUNHO
             4,0 mm
JULHO
           63,0 mm
AGOSTO
             1,5 mm
SETEMBRO
             4,5 mm
OUTUBRO
         220,5 mm
NOVEMBRO
         306,5 mm
DEZEMBRO
         214,0 mm
SUB-TOTAL (2011)
     1.483,5 mm
TOTAL (2011)
     1.483,5 mm


ÍNDICE PLUVIOMÉTRICO DE          ATALÉIA (Total  anual)
ANO: 
 2012
MÊS
Precipitação
JANEIRO
           159,5 mm
FEVEREIRO
             55,0 mm
MARÇO
             28,0 mm
ABRIL
             61,0 mm
MAIO
             47,0 mm
JUNHO
             15,5 mm
JULHO
             17,5 mm
AGOSTO
           110,0 mm
SETEMBRO
             27,5 mm
OUTUBRO
             29,5 mm
NOVEMBRO
           331,0 mm
DEZEMBRO
             40,0 mm
SUB-TOTAL (2012)
           921,5 mm
TOTAL (2012)
           921,5 mm


ÍNDICE PLUVIOMÉTRICO DE          ATALÉIA (Total  anual)
ANO: 
 2013
MÊS
Precipitação
JANEIRO
          243,0 mm
FEVEREIRO
            59,5 mm
MARÇO
          129,5 mm  
ABRIL
            66,0 mm
MAIO
            62,0 mm
JUNHO
            13,0 mm
JULHO
              5,0 mm
AGOSTO
            10,5 mm
SETEMBRO
            17,5 mm
OUTUBRO
          129,5 mm
NOVEMBRO
          231,5 mm
DEZEMBRO
          514,0 mm  
SUB-TOTAL (2013)
     1.481,0 mm
TOTAL (2013)
     1.481,0 mm

ÍNDICE PLUVIOMÉTRICO DE          ATALÉIA (Total  anual)
ANO: 
 2014
MÊS
Precipitação
JANEIRO
          56,5 mm
FEVEREIRO
          68,5 mm
MARÇO
          34,0 mm
ABRIL           20,0 mm
MAIO
            2,0 mm
JUNHO
          72,5 mm  
JULHO
          52,0 mm
AGOSTO
          31,5 mm  
SETEMBRO
            0,0 mm  
OUTUBRO
        181,5 mm
NOVEMBRO
        213,5 mm
DEZEMBRO
        190,5 mm
SUB-TOTAL (2014)
    922,5 mm
TOTAL (2014)
    922,5 mm